9 de outubro de 2008

Crise, crise, crise parte 2

Dólar fechou a 2,29. Estável. Lula diz que não devemos nos preocupar.
O comercial continua não faturando, o que significa meta não batida, população sem dinehiro no bolso para comprar, e consequentemente economia fraca.
Não precisa ser economista fudido para saber disso né?
Eu penso como as pessoas tem empresas, faturam tanto e sabem administrar e prever tão pouco. É um golpe de sorte, de oportunismo e QI.
Infelizmente, para algumas pessoas claro, não fui nem serei mandada embora.
O cara que se jogou aqui na Paulista era um senhor de 60 e poucos, francês, chefe de cozinha do Maksoud Plaza, estava em depressão profunda, cansou e se jogou. Simples assim.
Não, ele não tinha dinheiro na bolsa de valores. Era apenas um cara cansado e sozinho. Acontece.

2 comentários:

MM. disse...

o foda é, a depressão dele foi causada pelo o que? Sempre achei que a felicidade de uma pessoa tb não depende só dela, bicho. Olhando a tal profissão dele, acredito que talvez, ele tenha sido realizado profissionalmente... cozinhar acho uma arte. aos 60, devia ter tido vários amores... mas claro, tb n se descarta a possibilidade de a filha dele simplesmente ter virado lésbica e ele, por decepção, ter se frustrado tanto a chegar a esse ponto... vai saber! o foda é, que ng preve nada, levam tudo com a barriga ai qdo viu, já era: puf, crise!

Sammia disse...

ts!
"Infelizmente, para algumas pessoas claro, não fui nem serei mandada embora."
¬¬
só perguntei pow!
hahahaha